Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 de maio de 2009

O DIA DAS MÃES NA ALFABETIZAÇÃO

Imagem retirada de Open4downloads
Ser mãe e professora á padecer no paraíso, não é mesmo?! Sempre inventamos meios de facilitar nosso trabalho e conseguir adaptar nosso planejamento: a datas comemorativas, festas, homenagens, avaliações, etc. Pensando nisso, para facilitar sua vida, criei este plano de aula completinho para o Dia das Mães, neste coloquei os objetivos e conteúdos para facilitar ainda mais sua vida! Aproveite...
Leia Mais...
Conteúdos:

- Apreensão das idéias do texto
- Unidade estrutural
- Unidade temática
- Ritmo, fluência e entonação
- Ampliação vocabular
- Concordância nominal

Objetivos:

- Expressar sentimentos, opiniões e experiências pessoais em diversas situações comunicativas.
- Recontar fatos e histórias do cotidiano organizando suas idéias e seguindo uma seqüência lógica, ainda que com a mediação do professor.
- Utilizar argumentos coerentes em suas exposições orais em sala de aula.
- Ler textos (verbais e não-verbais) em diversos gêneros textuais, atribuindo-lhes significação, reconhecendo a intencionalidade e o processo de interlocução.
- Ler textos (verbais e não-verbais) de variados gêneros em voz alta, demonstrando capacidade de transposição fonografológica (relação fonema/grafema).
- Utilizar sistema gráfico da língua de forma adequada, reconhecendo sua organização alfabético-silábica e as possíveis relações fonema/grafema.

Critérios de Avaliação:

- Participa de situações que envolvam usos da linguagem oral no cotidiano escolar, respeitando as opiniões do outro e considerando os diferentes modos de falar.
- Relata experiências do cotidiano estabelecendo relação entre os fatos e seguindo sua seqüência cronológica ainda que com ajuda.
- Reconta histórias ouvidas e/ou lidas, evidenciando seus elementos relevantes.
- Expressa sentimentos e opiniões, procurando adequar-se ao interlocutor e à situação.
- Utiliza adequadamente os símbolos próprios da escrita, respeitando a convenção ortográfica, ainda que não o faça com precisão.
- Demonstra reconhecimento do processo de interlocução e da função social da linguagem.
- Lê em voz alta demonstrando, gradativamente, ritmo, fluência e entonação.

Desenvolvimento:

- Iniciar o trabalho com perguntas para reflexão: quando é comemorado o dia das mães? Porque se comemora o dia das mães no segundo domingo de maio? Como nós costumamos comemorar o dia das mães? Todas as pessoas comemoram da mesma maneira? Você acha que todos os dias deveriam ser dia das mães? Como são as mães hoje em dia? O que fazem?

http://www.terra.com.br/diadasmaes/dia.htm

- Sugere-se que os alunos dramatizem situações como: o que sua mãe faz todos os dias? O que sua mãe gosta e não gosta de fazer?

- Brincar de: “Se você fosse a mãe, o que você faria?”: propor que se coloquem no lugar de uma mãe e imaginar o que elas falariam nas seguintes situações: Mãe, no meu aniversário eu quero um vídeo- game, uma bicicleta e uma piscina. Hoje eu briguei na escola...Eu não quero almoçar, quero comer salgadinho! Posso ficar com esse cãozinho abandonado? Mas eu não quero ir dormir, o filme não acabou ainda! Eu não quero tomar banho e pentear o cabelo!

- Perguntar o que eles fariam se: encontrasse sua mãe chorando? Ela ficasse doente? Ela estivesse usando uma roupa muito feia na sua opinião? Ela dissesse que não compraria aquele brinquedo tão sonhado por você? Comprasse um presente só para seu (sua) irmão (ã)?

- Trabalhar com quadrinhas.
A quadra é um poema de quatro versos que preserva muitas vezes a cultura popular.



- Depois de muita leitura apontada, questione os alunos onde o texto poderia ser ouvido: no parque de diversões, no jardim, no circo, em casa, na escolar ou outros.

- Retome a discussão sobre a veracidade ou ficção descrita no texto, levando os alunos a perceberem o metáfora da quadrinha.

- Encaminhe a reescrita da quadrinha, supondo que se tratassem de duas pessoas.

- Comente e destaque as modificações necessárias ocorridas em todo o texto para concordar com o número de pessoas.

- Proponha, então, que os alunos, em grupos, completem as seguintes reescritas:



Através de nova leitura, localize no texto a palavra BOTÃO e peça que montem com o alfabeto móvel.

Chame à frente da sala uma criança cujo nome inicie com a letra F e G e trabalhe intensamente o nome da letra e o som que ela representa.

Substitua, então, a primeira e a terceira letra pela F e G, respectivamente e proponha leitura.




Trabalhe com os nomes de outros alunos (que iniciem com M e L) e desafie a formação de novas palavras, a partir da substituição.

Incentive a descoberta de palavras contidas nas palavras a seguir: CORAÇÃO

Escreva no quadro a palavra anteriormente decomposta para que seja refletida quanto ao número de letras, de sílabas e do número de letras que formam as sílabas.

Enfatizar o som “ÃO” e pedir que relacionem outras palavras que rimem com CORAÇÃO e BOTÃO.

Distribua material para a confecção de tarjetas silábicas com o nome das mães e inicie o trabalho oralmente: antes de grafar as sílabas é necessário que os alunos percebam essa segmentação na oralidade.

Percebido o número de sílabas de seu nome, oriente a dobradura para a repartição da tarjeta com as dobras necessárias.

Depois de grafadas as sílabas que compõem o nome, inicie a reflexão coletiva sobre todos os aspectos que foram envolvidos nesse trabalho.

Pedir que as crianças apresentem outras parlendas, cantigas e poemas que envolvam sejam dedicados a mãe. Sendo possível registre estes textos e deixe exposto em sala.

Propor a confecção de cartões com estes textos. Aproveite e apresente os dados que compõe um cartão: destinatário, texto poético, enunciado e data.

Ler nesta semana o livro “Se as Coisas Fossem Mães” de Sylvia Orthof.

Shalom!

1 COMENTE AQUI!!!:

Usuale disse...

Bom dia!

MÃE, SEMPRE MÃE!

"Horizonte de encanto e ternura, gesto simples, constante e forte, olhar firme, transmites alento, confiança reanimas a certeza.

Me ensinas, ó máe, que na vida nunca perdes a bola em campo, mesmo que teus caminhos embolem, sempre marcas com novo encanto. Minha mãe, minha mãe, eu desejo muitas bençãos e luzes divinas e te vejo feliz ao meu lado sustentando as minhas fraquezas.

Mesmo quando a tristeza aparece, estas pronta e sempre atenta.

Tua mão bem segura nos mostra e assim confiantes seguimos. Nossas vozes com amor se misturam para dizer do afeto que temos.

Quando a dor e a saudade chegarem, ao seu lado estaremos presentes!"

Autor: (Celina H. Weschenfelder)
Fonte: www.viasitescom.br/mensagens.htm

Feliz dia das mães!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
BlogBlogs.Com.Br