Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

21 de abril de 2011

COMO FAZER O ESTUDANTE PRESTAR ATENÇÃO?!

Retirado de http://revistacrescer.globo.com



Eita tarefinha mais penosa, não é mesmo?! O que fazer quando a turminha está em silêncio, mas você percebe que alguns estão com o pensamento nas nuvens?!
Leia Mais...
Muitas vezes o professor já conseguiu administrar a disciplina em sala de aula, aplicou as Regras de Ouro (clique aqui para saber mais), as crianças ficam em silêncio, mas...alguns ainda não mantêm o foco em suas explanações. O que fazer?
Vou confessar que ainda procuro a fórmula mágica que acabe com este problema, porque eu me prendo muito a estas crianças que "não prestam atenção". Então acredito que há algumas regrinhas que já sigo e outras que, por conta da minha turma deste ano, pesquisei na internet e vou aplicar!

1. Mostre para a criança que você precisa da atenção dela, que você se importa com o seu aprendizado, por isso "pega tanto no seu pé"!

2. Solicitar que coloquem embaixo da carteira todo o material, devendo ficar com as mãos vazias. Levantar a cabeça, sentar-se ereto e sempre olhar para você. Neste momento mantenha contato visual com as crianças que se distraem mais facilmente, se possível se aproxime delas durante a sua fala.

3. Combine com eles um sinal para quando eles precisarem largar tudo e prestar atenção em você, pode ser: apagar as luzes, um sinal de apito leve, bater palmas três vezes, etc. "Isso vai ajudar as crianças a quebra de seu foco em tudo o que estavam fazendo e transferi-lo para você e o que você tem a dizer.", segundo Fleming Sandy do "How Do To Things.com".

4. Colocar uma dose de humor no início de suas explicações ajuda a criança a se interessar pelo que você tem a dizer, fazer conexões com conhecimentos prévios e questioná-los também ajuda.

5. Recompensá-los pelo foco e atenção que mantêm nas aulas. Para algumas pessoas isto é visto como suborno, não sendo recomendado. Mas eu acredito que apelando para o bom senso não há nada de errado. Uma dica importante, não recompense toda hora. Faça isso quinzenalmente ou mensalmente. Também dê prêmios que sejam utéis para usar em sala de aula, nada de doces. Costumo confeccionar lápis com ponteiras e giz de cera em formatos diferentes (clique aqui e aqui), mas também há inúmeras opções em papelarias e não custam muito, como: bloquinhos de nota e borrachas coloridas. Mas a primeira opção é mais barata, pois são materiais que a própria escola pode disponibilizar.

6. Ter muuuita paciência! Mas muita mesmo, porque mesmo seguindo todas essas regras ainda haverá criança distraída: mexendo na unha, olhando para o teto, mexendo nos lápis, etc... Mas você ainda tem a opção de fazer de conta que não está vendo, e continuar, você consegue?!

Obs.: Existe o Transtorno de Déficit de Atenção, que é algo mais sério e precisa de um tratamento especial, então preste atenção se há possibilidade de alguma criança ter esse problema. Saiba mais aqui.

Fontes: How To Do Things.com e Associated Content from Yahoo.


8 COMENTE AQUI!!!:

Carla Fernanda disse...

Oi Ana! Todo mundo acha que passa por isso no casamento. Já li uma coisa assim:
"casamento é igual a sumarino, pode até flutuar, mais foi feito para afundar"...kkkk
Por isso é renuncia ....
eta coisinha difícil, credo!!
Ave Maria amiga! Tô contigo!
Só fazendo humor com ar de palhaço...kkkk
Beijos e boas dicas de descer das nuvens.
Feliz Páscoa!!
Beijos,
Carla
=D

Pati Alves disse...

Como é difícil! Tem criança que se distrai muito fácil, este ano estou com uma turminha bem difícil (nesse sentido: prestar atenção). Uso essas regrinhas de guardar o material em baixo da mesa, tenho a palavrinha (digo:PAMPAMRAMRAMPAM – cças digem PAM PAM) que serve para q eles larguem td e olhem para mim, mas tenho uns 6 que nem assim. Nos outros anos isso dava bem certo mas hoje não sei mais o q faço. Vou tentar as outras sugestões, tomara que de certo.
Bjs e ótima páscoa. Sabe q mesmo sem te conhecer pessoalmente te adoro vc tem se mostrado uma grande amiga.

Iolanda disse...

A Carla Fernanda lembrou-se do casamento e eu me lembrei daquela famosa interrogação: "Quem vem primeiro, o ovo ou a galinha?", pois não encontro explicação para aqueles alunos que precisam tanto prestar atençao e estão sempre distraídos. "Não acompanham a aula porque são distraídos ou....?" Quanto à recompensa, sou a favor, mas não me atrevo mais a usá-la na minha escola, porque na primeira vez que o fiz, levei uma boa chamada (e gato escaldado tem medo de água fria).
Desejo-lhe um ótimo feriado e uma páscoa muito alegre. Abração.

Ana Paula Costa disse...

Oi Ana Paula, adorei esta postagem. Sou professora de informática para alunos do 1º ao 4º ano e passo por tudo isso durante todas as aulas. Minha ferramenta de trabalho é o meu grande concorrente. Eu canto, eu danço, eu mudo a voz, eu falo baixinho... até peço para desligarem o monitor... dá um trabalhão, mas vou continuar tentando. Colocarei essas dicas no meu blog. Obrigado.

Paty Longo disse...

Oi Ana querida!
Adoro suas postagens que são de muita qualidade e sempre dão uma ajudinha a nosso dia-a-dia. Esse ano também estou com uma turminha que é bastante desatenta e que gosta muito de levantar para trocar ideias, tudo o que fazem tem que mostrar ao colega e é difícil conseguir a concentração de todos. Estou construindo um cartaz de incentivo de comportamento com uma premiação ao final de cada mês. Vamos ver se dará certo, espero que sim. Assim que eu terminar postarei em meu blog como farei, mas adorei as dicas.
Parabéns por seu trabalho!
Beijos flor e uma linda Páscoa!
Paty Longo

Pati Alves disse...

Oi Ana, passei para avisar que o livro e a surpresa (ADOREI) chegaram hoje (véspera da páscoa, que presentão, hein...). Dei uma folhada no livro e o achei bem interessante, tem bastante coisa para eu aprender sobre educação infantil, e o bom é que vai me auxiliar até na educação do meu filhote. Muito obrigada, bjs e boa Páscoa pra vc e sua família.

Iolanda disse...

Ana, temos mais alguma coisa em comum então, pois também não escolhi a profissão, antes, fui empurrada pra ela pelas circustâncias da vida. Hoje, tenho paixão pela educação e gosto sinceramente de ser professora, só tenho pouca tolerância e me aborreço com o comportamento de certas pessoas dentro das escolas.
Você é quem sempre me ajudou, apoiou, promoveu.. e só tenho a agradecer. Obrigada e pode contar comigo. Abração.

Marcinhakop disse...

Olá!!
Estou descobrindo o blog e achei bem interessante...
Com os meus tenho uma brincadeira quando quero atenção digo: "Olhinhos pra profe!" E digo o quanto eu gosto de ver os olhinhos deles olhando para mim e tal...
Funciona eles gostam , claro não é uma fórmula ´mágica as vezes falha e daí vamos buscando maneiras diferentes!!
Abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
BlogBlogs.Com.Br